“Ferramentas Google para Jornalistas” - Cresça com o Google.

Participei do Treinamento “Ferramentas Google para Jornalistas”, no "Cresça com o Google" em Porto Alegre/RS.

 Marco Túlio Pires, que é o coordenador do Google News Lab do Brasil, mostrou plataformas práticas para que os profissionais façam pesquisas de apuração jornalística no Google. Explicou a importância de saber usar corretamente as inúmeras ferramentas que a plataforma oferece, para que assim se tenha um conteúdo de qualidade nos sites e jornais do mundo todo. Além disso, a busca de dados, de imagens, mapas e maneiras de identificar os interesses do público, foram assuntos importantes para o desenvolvimento profissional dos jornalistas presentes. A finalização do treinamento ficou por conta da Fabiana Zanni, que falou sobre monetização e métricas para alcance de usuários em sites. Além de ensinar estratégias publicitárias, ressaltou a importância de formatos nativos, como a personalização dos conteúdos divulgados. Também foi possível aprender a conhecer a audiência concebida, analisando dados do Google Analytics e como desenvolver fontes de receita para o negócio jornalístico. Além de conhecer os melhores truques para enriquecer o site e acelerar o fluxo de trabalho com ferramentas gratuitas e fáceis de usar. Acesse: https://cresca.withgoogle.com/intl/pt... @mtrpires #MarcoTúlioPires #crescacomogoogle #ferramentasgoogleparajornalistas #googlebrasil



Desabrochando, amanheceu.

Acordei bem antes de amanhecer, "madruguei",na verdade quase não dormi. Ontem vi que os botões de flores de Ora Pro Nóbis estavam prestes a abrir e pensei, dessa vez não perco, vou assistir as flores desabrocharem antes do amanhecer... Vejam!


Flor de 'ora pro nóbis'.


No vídeo, a micro abelha coletando pólen, depositando nas patinhas, polinizando...


Desabrocharam mais flores de ora-pro-nobis.😍
Pereskia aculeata, popularmente conhecida como ora-pro-nóbis (do latim ora pro nobis: 'ora por nós'), orabrobó, lobrobó ou lobrobô, é uma cactácea trepadeira folhosa. É uma planta bastante rústica, perene, desenvolvendo-se bem em vários tipos de solo, tanto à sombra como ao sol. Muito usada em cercas vivas, mas suas folhas e frutos, que são bagas amarelas e redondas, também servem como alimento. A planta é também empregada para a produção de mel. 
É originária do continente americano, onde tem ampla distribuição - desde o sul dos Estados Unidos até a Argentina, passando pelas ilhas do Caribe. Planta perene, rústica e resistente à seca, é a única espécie do gêneroPereskia que tem hábito de liana. No Brasil, ocorre em florestas perenifólias, nos estadosde Maranhão, Ceará, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Minas Gerais, Espírito Santo e Rio de Janeiro.

A denominação do gênero Pereskia refere-se ao botânico francês Nicolas-Claude Fabri de Peiresc, e o termo aculeata (do latim ăcŭlĕus, 'agulha' ou 'espinho') significa dotado de espinhos. Já o nome popular da planta, segundo a tradição, teria sido criado por pessoas que colhiam suas folhas no quintal de um padre, enquanto este rezava uma ladainha, cujo refrão, Ora pro nobis, era repetido a cada invocação.
Leia mais em wikipedia.